DAR FORÇA À LUTA QUE CONTINUA CELEBRANDO ABRIL E MAIO

Vivemos tempos difíceis, mas que não podem impedir de afirmar Abril. Este ano devido ás circunstâncias o ponto alto das comemorações da Revolução de Abril é ás 15 horas do dia 25 á janela a cantar Grândola Vila Morena e o hino nacional.
A esta iniciativa associaram-se inúmeras entidades, nomeadamente autarquias locais e associações. Em diversos casos, foram anunciadas também iniciativas próprias na Internet e na rádio.

Lay-Off na Autoeuropa

Perante a situação que se vive com a pandemia COVID-19, o governo optou por uma medida que reduz os salários dos trabalhadores em 1/3, assim como penaliza a Segurança Social. São opções que dispensam o grande capital da “partilha” de riscos em que o patronato fica isento das suas contribuições sociais.